A BRISA QUE PASSA E O RIO QUE DESÁGUA

A BRISA QUE PASSA E O RIO QUE DESÁGUA

Desejo a você:

Dias melhores todos os dias
sonhos que possa realizar
amores que possa amar
caminhadas que você possa suportar
peso que você possa carregar
amigos que você possa confiar
dias de sol para te iluminar
noites de lua para te fazer se apaixonar mais uma vez
a dureza da vida para que possas aprender
a vivencia de um velho experiente
a inocencia de uma criança
o senso de liberdade, aventura, paixões e deslubramentos da juventude.

Desejo a você, uma vida plena, cheia, uma vida que você possa olhar pra trás no futuro, e se orgulhar de ter visto, vivido, conseguido, amado, sofrido, chorado, mais vencido…

uma vida que possa te dar como frutos, muitos amigos e pessoas que gostem de você. Não dinheiro, e não pelo dinheiro. Te dar amar, e que te conheçam e gostem de você pelo amor que você transmite a seu amigo, seu filho, sua esposa ou marido, enfim…

O que desejo a voce é o que desejo a mim multiplicado por 10.

Uma vida sem experiências é só uma uma brisa que passa e some
uma vida completa é como um rio que corre para um lago calmo tranquilo…

Adriano Uriel S dos Santos

Sobre adrianouriel

A camada sob a superfície com a chuva rala sob a superfície plana...
Esse post foi publicado em 2012 NOS HORIZONTES QUE CIRCUNDAM, URIEL MAIO e marcado , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s