MAIS UM POUCO

MAIS UM POUCO

MAIS UM POUCO
POR: Adriano Uriel S Santos

Dizer “eu estou tentando” as vezes não é o bastante. As vezes, você tem que ir mais fundo, as vezes você tem que correr riscos. As vezes, você tem que pagar pra ver.
Não digo que você obterá sucesso. Você pode ir tão fundo e se perder, não conseguir mais voltar, não achar o caminho de volta e não ver mais nem túnel nem luz, nem o fim…

Mais quer saber de uma coisa? Qualquer risco é melhor do que não fazer nada e passar a vida se lamentando afundado na lama da incerteza. Então, corra seus riscos. Desafie o que ainda não foi desafiado. Conteste se preciso, mais pelo amor de Deus, não seja um escravo da sua própria inércia e do seu medo. Seus demônios se alimentarão disso, e então, eles gostarão, por que a casa está farta de tudo o que eles gostam, que são seus medos, suas desconfianças, sua fraqueza…

Levante – se, pois no chão caído, você é alvo fácil! Seja aquele que foi, viu, fez e venceu, não seja só mais um dentre tantos escravos da mediocridade!

Sobre adrianouriel

A camada sob a superfície com a chuva rala sob a superfície plana...
Esse post foi publicado em 2012 NOS HORIZONTES QUE CIRCUNDAM, SETEMBRO e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s